Chuva em janeiro em 2016 supera a de 2015


O ano de 2016 iniciou-se com chuvas acima da média no mês de janeiro em relação a 2015. Todas as estações monitoradas pela Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP de Ilha Solteira tiveram acúmulo de chuva maior do que o ano anterior no mês, trazendo benefícios aos reservatórios, lagos, lavouras e a toda a população. 

No município de Populina no dia 13 de janeiro choveu 81,3 mm , ou seja, 25% de toda chuva mensal, em Ilha Solteira no dia 15 de janeiro choveu 61,2 mm, ou seja, 29% de toda chuva em janeiro no município. Nestes dois municípios houve um acréscimo de 59% e 37%, respectivamente, no volume de chuva acumulado em janeiro nos anos de 2015 e 2016. 

O município de Paranapuã também merece destaque pois obteve a marca de 362, 7 mm, o que representa 35% a mais de chuva em janeiro de 2016.



Esperamos que a chuva continue a cair na região aumentando nossos reservatórios e abastecendo o lençol freático porém que ela venha de forma suave, ou seja, de pouca intensidade porém contínua, evitando assim danos as lavouras e aos centros urbanos que possuem sistemas de drenagem em condições não ideais.



Apesar de acima de 2015, as chuvas em janeiro de 2016 não atingiram a média esperada para o mês em 3 municípios da região monitorada pela Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP de Ilha Solteira, sendo eles Ilha Solteira, Marinópolis e Santa Adélia (Pereira Barreto).

Estas e outras informações sobre o tempo na região estão disponíveis em: http://clima.feis.unesp.br/

Conheça mais sobre a AHI da UNESP Ilha Solteira e interaja conosco a partir de:

Nenhum comentário:

Postar um comentário