Balanço do Clima para o mês de Julho

Em se tratando do clima, o mês de julho definitivamente foi marcado por eventos extremos. Durante todo o mês, a Área de Hidráulica e Irrigação acompanhou as estações da Rede Agrometeorológica do Noroeste Paulista, registrando e divulgando os dados do clima. Desde o início do mês que teve a presença de chuva, passando pelo frio e finalmente pela baixa umidade relativa do ar.

Em relação à chuva, tivemos precipitações em duas oportunidades em todo o Noroeste do estado (final de semana dos dias 7 e 8 e no dia 12), e apesar do baixo volume chovido para 31 dias, uma vez que em nenhuma estação a chuva acumulada no mês superou os 10 mm, a presença de chuva é uma situação atípica. Em Ilha Solteira destaca-se o fim do tabu de 2 anos sem chuva no mês. O total chovido em mm foi de:


Comparando com o ano anterior, Paranapuã que teve 8,1 mm e Populina com 1,3 mm em 2011, foram as estações que já operavam ano passado a ter chuva inferior em 2012. Em Marinópolis (0,3 mm), Sud Mennucci (Estação Santa Adélia Pioneiros, 0,3 mm) e Ilha Solteira (0 mm) choveu mais esse ano.

Particularmente em Ilha Solteira, nos últimos 4 anos só havia chovido em julho em 2009, com 28 mm, 9 mm  a cima da média histórica desde 1967, situação bastante atípica. Com isso, chegamos a aproximadamente 52 % do volume esperado para todo o ano (667,2 mm), cerca de 6% a menos em relação à média reflexo principalmente do baixo volume de chuva em março.

Já em relação à temperatura, à partir do dia 13 os termômetros passaram a registrar temperaturas mais baixas. O frio se estendeu até o dia 20, chegando a mínimas próximas aos 4 °C em algumas estações, fato bastante anormal nesta que é uma das regiões mais quentes do país. As mínimas no mês fora:

Ilha Solteira: 7,9 °C
Pereira Barreto (Estação Bonança): 6,3 °C
Itapura: 6,7 °C
Pereira Barreto (Estação Santa Adélia): 8,7 °C
Sud Mennucci (Estação Santa Adélia Pioneiros): 5,7 °C
Paranapuã: 4,7 °C
Marinópolis: 5,1 °C
Populina: 3,9 °C


Dessa forma, tivemos o dia 19 foi o dia mais frio do ano na maior parte da região. Além disso, as temperaturas entre 4 °C e 6 °C certamente se aproximaram ou superaram as menores temperaturas já registradas na região. Em Marinópolis, por exemplo, que possui banco de dados desde 1998, houve ocorrência de temperatura menor ou igual à mínima de 5,1 °C em apenas 15 dias no decorrer de todos esses anos. 

Paralelamente à queda de temperatura, a umidade relativa do ar também foi um evento extremo na região. Em diversas oportunidades registrou-se valores críticos (entre 20% e 30%) em todas as estações da Rede, situações delicadas à saúde da população, sendo que em Itapura e Pereira Barreto (Estação Santa Adélia) a umidade atingiu valores de alerta (inferiores a 20%), com 18,4% e 18,7 % respectivamente. Em toda a região, a umidade vem atingindo valores baixos à medida que a temperatura se eleva, valendo destacar a importância do acompanhamento dessa variável ao longo do dia e as recomendações de saúde para situações extrema como a hidratação constante, evitar exercícios físicos, banhos muito quentes e o excesso de tempo em ambientes com ar condicionado.


Continue acompanhando o Clima no Noroeste Paulista à partir do PORTAL do Clima da AHI da UNESP Ilha Solteira. Lá é possível monitorar em tempo real com atualização a cada 5 minutos as variações climáticas em toda a região, além de realizar o cadastro e ter acesso a toda a base de dados diários do PORTAL.

Comente!

Um comentário:

  1. Dois erros gravíssimos nesta postagem:

    1º - A região de Ilha Solteira é uma das mais quentes do ESTADO DE SÃO PAULO, mas de forma alguma é uma das regiões mais quentes do PAÍS. Toda a região Norte, grande parte das regiões Centro-Oeste e Nordeste, e também algumas áreas da região Sudeste, possuem temperatura média superior à da região de Ilha Solteira. Basta consultar um atlas climatológico e confirmar o que estou dizendo.

    2º - Temperaturas ao redor de 4ºC não estão nem perto de caracterizar "as menores temperaturas já registradas na região". Nas décadas de 50 e 70 houveram ondas de frios que causaram temperaturas bem inferiores à 4ºC.

    ResponderExcluir