Irrigando para o desenvolver

"Parecem detalhes, mas não são. Conforto, gentileza e presteza no atendimento já não são diferenciais, e sim a base de tudo" (Maria Inês Dolci, FSP, 20/08/2012, p.B.7.)

Nossa próxima aula da disciplina de Irrigação (10 de setembro) será na FEPE - Cerrado, onde veremos instalações de bombeamento, pivô central, carretel enrolador e aspersão convencional. Venham com "roupa de ralo", como dizem os Escoteiros, ou seja, vestidos e roupas e calçados apropriados para as condições de campo, e, claro, protetor solar nas condições ambientais que estamos vivendo, é mais que recomendado. Confira como foi a aula do semestre passado!

Já nossas aulas na semana que se encerrou versaram sobre os sistemas de irrigação por aspersão tipo convencional (incluindo em malha e em faixa), carretel enrolador e pivô central. Destacamos recalque, adutora, linha proncipal, linha secundária, linha lateral, aspersores, "bengala", difusores, "sprays", reguladores de pressão, torre, vão livre, altura do pivô, LEPA, velocidade de infiltração, TIB, precipitação x vazão em aspersão convencional e em pivô central, velocidade de deslocamento x precipitação, CAD e a influência e importância das características físico-hidricas do solo sobre os métodos de superfície e aspersão. Confiram os emissores da Nelson e da Senninger que equipam a maioria dos pivôs centrais no Brasil. Há listas de exercícios e bibliografia listada no canal "Atividades Acadêmicas"!


Na parte prática operamos um módulo de filtragem dotado de filtros hidrociclônico, de areia e de malha (tela e disco também), calculamos a altura manométrica total através da soma da altura manométrica de sucção e de recalque e as palavras discutidas e reconhecidas foram: crivo, válvula de pé, mangote, registro de gaveta, vacuômetro, manômetro, NPSH disponível e exigido, cavitação e ainda fizemos a retrolavagem dos filtros de areia.


Abaixo conhecendo os filtros de disco.


Ligando bomba, primeiro em shut off (1) e depois com carga.



E analisando a turbidez da água após cada elemento filtrante.


Estamos vivenciando um inverno de altas temperaturas e tempo seco com registros diários de baixa umidade relativa do ar. Todos dias temos registrado umidades do ar que caracterizam os estados de atenção (entre 20 e 30%) e também de alerta, com valores abaixo de 20%. E no Portal CLIMA da UNESP Ilha Solteira o internauta pode acompanhar em tempo real estas condições, onde sofrem a população e as plantas, ou seja, as consequências são sentidas nas cidades e no campo. No campo o consumo de água pelas plantas - representado pela evapotranspiração - tem chegado a valores superiores a 6,0 mm por dia no noroeste paulista e os sistemas de irrigação são necessários para garantir a produtividade das lavouras. Já nas cidades, as pessoas sentem nas narinas, nos olhos e na garganta principalmente os efeitos do tempo quente e seco. Assim, devem manter a hidratação do corpo, com a ingestão de líquidos, hidratar com soro fisiológico as vias nasais, manter o ambiente umidificado, com vaporizadores, bacias com água ou toalhas molhadas - por exemplo - e deve-se evitar exercícios físicos em horários mais quentes do dia. Para Mônica Corso os riscos para a saúde são o agravamento de doenças respiratórias, como rinite, asma e bronquite, há o aumento de problemas respiratórios em faixas de risco, como idosos, crianças e pacientes com doenças relacionadas ao fumo - por exemplo - e ampliação dos efeitos em grandes centros urbanos em razão dos poluentes do ar. Para o pneumologista Ubiratan de Paula Santos "a baixa umidade facilita a transmissão de vírus que causam doenças respiratórias, porque o vírus permanece mais tempo no ar".
E a Jornalista Nany Fadil no jornal Bom Dia dá as dicas da alimentação que ajuda no combate efeitos da baixa umidade do ar, para quem as refeições devem ser leves, com legumes e verduras e carnes magras e as pessoas não devem consumir salgadinhos industrializados, alimentos diets, sopas prontas, azeitonas, embutidos e defumados, pois têm muito sódio, que aumentam a pressão arterial e desidratam. Sangramento nasal pode ser evitado com o aumento do consumo de frutas e alimentos ricos em vitamina C, como laranja, limão, maracujá, acerola, vegetais folhosos e tomate, que melhora a elasticidade dos vasos sanguíneos e reduz a fragilidade capilar, que é o que provoca o sangramento. Para quem sofre com os olhos secos, a recomendação é para consumir alimentos ricos em ômega 6 e 3, como castanhas, como nozes, macadâmia, amêndoas e castanha do pará e sementes de abóbora, girassol, linhaça e lichia (ricas em ômega 6) e atum, sardinha, salmão e cação (ricos em ômega 3). Contra alergias os alimentos ricos em vitamina C também são indicados para reduzir o agravamento das doenças das vias respiratórias e aumenta a imunidade e para previnir a pele que também sofre com tanta seca, em alguns casos, chega a descamar, a melhor forma de hidratá-la é de dentro para fora, são os alimentos ricos em betacaroteno, que são encontrados nos alimentos de cores amarela e laranja. Entre eles estão a laranja, o mamão, o milho, cenoura e a abóbora. Também nos que têm silício, como aveia, alho poró, salsinha, aspargos, cebola, pepino e cevada.

Igricultura Irrigada
O Inovagri vence concorrência da ANA para capacitação dos irrigantes em 14 áreas irrigadas. Assista a entrevista do Diretor do Inovagri Silvio Lima, que explica também a importância da agricultura irrigada.

A Fahma Planejamento e Engenharia Agrícola, de Minas Gerais assumiu no dia 3 de setembro a gestão do Projeto de Irrigação Manuel Alves, localizado em Dianópolis, Sudeste do Estado de Tocantins, ficando responsável pela assistência técnica aos produtores rurais instalados na área de abrangência do projeto, bem como em manter em funcionamento o sistema de irrigação instalado pelo Governo do Estado, por meio da Seagro. O projeto Manuel Alves, um dos maiores do Brasil, possui 3.800 hectares e atualmente 114 lotes já estão licitados, e em cerca de 50% destes há produção, principalmente, de feijão, banana, maracujá, milho e verduras em geral. Processo realizado no último mês de agosto licitou outros 53 lotes, sendo 48 para pequenos produtores e cinco empresariais. A água para as propriedades vem da barragem formada no rio de mesmo nome do projeto. Após a perenização, acontece a captação, distribuição e drenagem d’água até os lotes. O projeto, que conta com recursos do Governo Federal com contrapartida do Governo do Estado, é destinado principalmente à fruticultura tropical.

Em artigo, o Deputado Oswaldo Coelho detalha a "TARIFA DE ENERGIA PARA IRRIGAÇÃO NO SEMIÁRIDO - TARIFA DA MADRUGADA".

Grãos
Conab confirma expectativa de recorde e safra de grãos chega a 165,9 milhões de toneladas  para o período 2011/2012 no 12º levantamento da safra de grãos. Na comparação com a safra 2010/2011, quando a produção foi de 162,8 milhões de toneladas, o crescimento chega a 1,9%. O milho, como era previsto, foi o destaque da produção - registrando crescimento de 73%, o equivalente a 16,4 milhões de toneladas, na comparação com a safra anterior, de 22,46 milhões de toneladas - atingindo a marca de 38,86 milhões de toneladas.

Debate de ideias
Gosto disso: dois profissionais experientes e reconhecidos (Clóvis Rossi x José Hamilton Ribeiro), ambos formados em Jornalismo travam argumentos relevantes sobre a pergunta "O diploma de jornalismo deve ser obrigatório para o exercício da profissão?" Um CONTRA e outro a FAVOR e ambos com uma folha de serviços prestados que dá credibilidade à discussão. Nestas condições, todos crescemos e podemos formar a nossa opinião em base sólida! Parabéns Jornalistas. (Na Folha de SP, 01/09/2012, p.A.3). 

Educação
A UNESP é a 6a. Universidade brasileira, segundo o Ranking Folha de Universidades, que analisou 191 Universidades e 41 Centros ou Faculdades. No sítio especialmente desenvolvido o internauta pode fazer buscas customizadas através de filtros. A análise foi feita levando em consideração a qualidade da pesquisa e do ensino, a reputação no mercado de trabalho e a capacidade de inovação das instituições de ensino superior. O trabalho foi coordenado por Rogério Meneghini, consumiu 8 meses e foi destacado no Editorial com "Universidades para todos". "É um instrumento que vai além do sistema atual e faz com que as instituições passem a buscar a excelência", afirmou Luiz Cláudio Costa, que preside o Inep e    Rogério Cezar de Cerqueira Leite sobre este ranking de universidades da Folha "é um equívoco adotar números absolutos. Universidade grande não é grande universidade. Mas a maior aberração é computar apenas dois anos de produção"

A palestra do Professor PIERLUIGI PIAZZI (1) para quem a educação brasileira caminha com passos lentos na busca pela qualidade. Qual seria o motivo? Será que os alunos não são bem preparados pelos seus professores ou não são inteligentes o suficiente para aprender as matérias ensinadas? As perguntas foram analisadas por Pierluigi Piazzi, professor de curso pré-vestibular há 40 anos. Vale a pena assistir! E estudar com eficiência!!! "AULA DADA, AULA ESTUDADA, HOJE!" Veja uma outra palestra mais antiga sobre o mesmo tema!


Oportunidade
As inscrições para o Programa de Trainees Talento Natural da Yara estão oficialmente abertasJoão Vitor Scarano é um dos nossos alunos que participaram do programa e depois foi efetivado na empresa. Participem!

Turismo
O Google aposta em serviços e resenhas para conquistar viajantes, com ferramentas de localização, mapas e informação do trânsito em tempo real e o Google Maps, ferramenta de mapeamento da gigante Google,  já se incorporou à vida de quem busca o melhor trajeto até seu destino. O TripAdvisor apresenta resenhas de consumidores e quem não é familiar com as ferramentas do Google úteis para viajantes pode começar com uma olhada no site maps.google.com/travel, em inglês, que reúne opções para diferentes perfis de turistas, incluindo os virtuais. O Street View, que captura imagens em 360 graus de mais de 3.000 cidades, está presente em todos os perfis. Outro serviço bastante útil para turistas é o Transit Abroad, que traz informações sobre o transporte público, incluindo ônibus, metrô, trens e bondes. "O turista consegue descobrir qual ônibus ele precisa pegar e onde ele passa, sem correr o risco de perder tempo e energia perambulando por aí", diz Sieber. Há um passeio, no entanto, que só pode ser feito virtualmente: uma viagem pela história de locais variados, por meio da comparação com imagens antigas de satélite no Google Earth. Números: 1 bilhão é o número mensal de usuários dos serviços do Google Maps, 3.000 é o número de cidades em que o Street View está presente, em um total de 40 países, 30 é o total aproximado de países com dados em tempo real sobre o trânsito, em mais de 200 grandes cidades, 151 são os museus que participam do Google's Art Project, que reúne imagens de mais de 30 mil obras, 187 é o número de países com indicações de caminho disponíveis no Google Maps e 475 são as cidades inclusas no Google Transit.

E e em viagens, para dormir, sítios auxiliam busca por hospedagem em locais alternativos e com alguma pesquisa, é possível encontrar castelos, barcos e ilhas privadas para alugar. O site Airbnb tem muita variedade e cobre diversos países, e sua ferramenta de busca por tipo de propriedade inclui castelos, faróis, cabines, barcos, tendas, villas e até casas na árvore. Já quem quer férias de luxo pode alugar um castelo europeu ou uma propriedade aristocrática histórica. O Celtic Castles reúne propriedades no Reino Unido, Irlanda e França. O Castle Rental possibilita a comparação de preços e propriedades entre os dois. Outra opção diferenciada é passar uma temporada em um barco e Houseboating.org se concentra em aluguéis de barcos nos Estados Unidos e no Canadá. Para quem quer gastar pouco há a troca de casas, em que duas pessoas ou famílias combinam um período conveniente para todos e simplesmente trocam de residência e HomeExchange funciona como uma comunidade on-line que reúne interessados em trocar de casa. Outra alternativa é o chamado "home stay", em que o turista fica hospedado em uma casa de família. O site Homestaybooking.com reúne candidatos a hóspedes e possíveis hospedeiros, e o preço da estadia é tratado diretamente entre eles. Quem hospeda paga uma taxa ao site quando a estadia é confirmada.

Entretenimento
Ultraje a Rigor é uma banda brasileira de rock, criada no início dos anos 80 em São Paulo. Idealizada por Roger Rocha Moreira (voz e guitarra base) sempre teve a irreverência como marca e obteve sucesso em 1983 com os hits "Inútil" (1) e "Mim Quer Tocar". Em 1985 a banda ficou nacionalmente conhecida com "Nós Vamos Invadir Sua Praia" (1), que alegremente debocha da rivalidade entre Rio de Janeira e São Paulo. Ciúme, "Eu Gosto de Mulher" (1), "Nada a declarar", "Independente Futebol Clube" (1) e "Rebelde sem Causa" (1) também fizeram muito sucesso. Assista ao DVD Completo - Ultraje a Rigor - Acústico MTV com 22 músicas.

Um comentário:

  1. Excelentes fotos! hahaha... bacana ver a galera com a mão na massa.

    6ª Universidade do país e os cursos de engenharia recebendo 4 e 5 estrelas no GE.

    Ultraje a Rigor clássico.

    ResponderExcluir