Professor Antonio Alves Soares já não está mais entre nós

Faleceu hoje às 02:00 horas em Belo Horizonte, o Professor Antonio Alves Soares do Departamento de Engenharia Agrícola da Universidade Federal de Viçosa. Antonio brigou o quanto pode contra uma leucemia, tendo feito transplante de medula, o procedimento não foi suficiente para se livrar da doença.

Professor Titular de Irrigação, "baixinho" na estatura, foi foi um dos grandes que esta área do conhecimento pode desfrutar neste país. Hiperativo, deixou um legado de mais de 70 Orientações de Mestrado e Doutorado, dando condições para que muitos profissionais também viessem a contribuir com êxito a missão de ampliar a nossa área irrigada, usando a água com sabedoria e eficiência. Participou da publicação de mais de 160 artigos científicos, capítulos e edição de livros. Nos últimos anos se dedicou também a aplicar técnicas de reúso da água, avançando e ampliando ainda mais o seu conhecimento.

Foram muitos os momentos que desfrutamos da amizade e do conhecimento do Antonio Soares e que poderíamos destacar em muitos eventos em que estivemos juntos, especialmente nos CONIRDs e CONBEAs Brasil afora, quando seu sorriso farto muitas vezes contagiava a todos.


Mas como homenagem à este amigo e profissional foi compartilhar uma outra história que trata da minha primeira atividade ligada a agricultura irrigada e irrigação. Ainda estudante de Agronomia na UNESP Jaboticabal, juntamente com Jener Fernando Leite de Moraes, hoje Pesquisador Científico do IAC e Wilson Mozena Leandro, hoje Professor da Universidade Federal de Goiás, organizamos em  maio de 1987 - durante a SECITAP - o curso "IRRIGAÇÃO: Momento Atual e Perspectivas". 

Para falar sobre os Métodos de Irrigação, o Professor Salassier Bernardo nos recomendou um palestrante e assim nos disse, "Chame o Antonio, ele acabou de chegar dos Estados Unidos, está cheio de novidades e ideias e pode ser um grande diferencial para vocês!".

E assim foi feito, Antonio foi nosso palestrante, o curso se mostrou um sucesso, promovemos um grande debate sobre o uso dos sistemas de irrigação, a tal ponto, que "nunca antes na história da SECITAP", se havia publicado os Anais ou livro de um os cursos e em novembro de 1987 eu teria em meu curriculum a primeira organização de um evento, com a ajuda de Elma Wagner, eu seria Editor de um livro e ainda teria o meu primeiro capítulo de um livro, juntamente com Jener Moraes e o Professor Mário Benincasa. Estas realizações marcaria de vez a minha entrada no mundo da agricultura irrigada, e iniciaria o Mestrado, sendo incentivado pelo Professor Antonio!


Antonio Soares está sendo velado na Associação dos Ex-Alunos da UFV e deve ser sepultado as 17:00 horas em Viçosa!

Descanse em paz meu amigo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário