Chuva causa estrago em Dracena

A Rede Agrometeorológica do Noroeste Paulista monitorada pela Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira ontem na cidade de Dracena registrou ventos de 53,1km/h vindo da direção norte, que causou diversos danos a cidade. Os fortes ventos vieram acompanhando de chuva e granizo, as 17:00 horas a chuva teve uma intensidade de 143mm/h, com um volume total de 30,7 mm.
Os fortes ventes aliados com as pedras de granizo de grandes dimensões deixaram os moradores de Dracena assustados. Esse fenômeno climático danificou telhados e veículos que estavam parados nas ruas, deixou diversos pontos da cidade alagados, houve queda de árvores, falta de energia elétrica e os celulares ficaram sem sinal.
Fonte: WhatsApp

Fonte:WhatsApp

Fonte:WhatsApp
O corpo de bombeiros foi acionado para o atendimento as ocorrências relacionadas aos estragos ocorridos pela chuva de ontem, sendo esses estragos a maioria deles destelhamento. O Corpo Bombeiros de Ilha Solteira foi mobilizado para prestar ajuda material aos desabrigados, fruto da tormenta de ontem à tarde, recolhendo alimentos, cobertas e colchões em desuso, que serão encaminhados aos desabrigados de Dracena.

SERVIÇO:
- Informações sobre agricultura irrigada e agroclimatologia no noroeste paulista são publicadas regularmente BLOG da Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira em http://irrigacao.blogspot.com
- Números e gráficos das estações agrometeorológicas no noroeste paulista estão emhttp://clima.feis.unesp.br
- Canal da Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira: www.agr.feis.unesp.br/irrigacao.php
- Canal CLIMA da UNESP Ilha Solteira: http://clima.feis.unesp.br
- Pod IRRIGAR - O Pod Cast da Agricultura Irrigada: http://podcast.unesp.br/podirrigar
- Informações também em (018) 3743-1959


Nenhum comentário:

Postar um comentário